quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

PÃO COM CHOURIÇO

PÃO COM CHOURIÇO

Aqui à uns dias deixei a receita de Caldo Verde, hoje deixo o seu melhor amigo, o Pão com Chouriço! 

Costumo fazer na máquina do pão mas desta vez foi feito sem a máquina. A receita original veio do blog A Casinha das Bolachas. Ficou mesmo muito bom, perfeito para acompanhar o caldo verde!





Ingredientes para 4 pães:
180ml de água tépida quente
12g de fermento de padeiro fresco
300 g de farinha
1 colher de café de sal
Chouriço corrente ou chourição

Preparação:
Numa taça coloque a água quente e com a ajuda de uma colher dissolva o fermento. Reserve.

No robot de cozinha, coloque sempre por esta ordem, a farinha, o sal e a água com o fermento. Deixe amassar até obter uma massa que não cole às paredes da taça. Caso seja necessário junte mais farinha e amasse com as mãos.
Retire a massa e coloque-a num recipiente polvilhado com farinha. Cubra com película aderente e deixe levedar dentro do forno desligado por cerca de uma hora para que a massa dobre de volume. 
Depois de levedar, coloque a massa numa bancada polvilhada de farinha e divida em 4 partes iguais.



Com um rolo estenda a massa e no centro coloque umas rodelas de chouriço. Comece por fechar as pontas dos lados mais pequenos e cubra com os lados maiores.



Coloque os pães num tabuleiro coberto com papel vegetal, tendo o cuidado de por as dobras para baixo. Com uma faca, faça uns golpes oblíquos em cada pão e leve novamente ao forno desligado para levedar por mais 30 minutos. 



Retire os pães do forno e ligue-o nos 200 ºC. Coloque no fundo do forno um tabuleiro com água. Quando o forno estiver quente coloque os pães a assar por cerca de 20 minutos. 



Retire do forno e tente não comer tudo de uma vez!






Bom apetite!


terça-feira, 27 de dezembro de 2016

CALDO VERDE (Versão tradicional e Cuisine Companion)

CALDO VERDE

Para cada época do ano existem certos pratos associados. As saladas associamos ao verão, os folares à Páscoa, o perú e as rabanadas ao Natal, e para mim o Caldo Verde com pão com chouriço à passagem de ano! 

Quem já não comeu um belo caldo verde depois da meia noite para aguentar mais umas horinhas a festejar o novo ano com o estômago aconchegadinho??

No entanto, para mim, o calde verde, tão "amigo" do pão com chouriço, é um daqueles petiscos que sabe tão bem num dia frio de inverno, como num fim de tarde de praia... Lembro-me de uma casa na Costa da Caparica que fazia este belo repasto e estava sempre cheia ao fim de um belo dia de praia.

E o melhor é que é super rápido e simples de fazer!

Deixo a sugestão:

P.S. Quinta-feira deixo a receita de pão com chouriço!!







Ingredientes:
3 batatas grandes
1 cebola pequena
3 dentes de alho
Sal
Azeite
Couve de caldo já preparado
Chouriço

Preparação:
Modo tradicional:
Num tacho com água e sal, coza as batatas, a cebola e os alhos.
Quando estiver cozido, triture com a varinha mágica.
Leve novamente ao lume e deixe levantar fervura. Junte então as couves e deixe cozinhar por cerca de 5 minutos em lume brando.
Deite numa tigela, junte umas rodelas de chouriço e um fio de azeite.  

Na Cuisine Companion:
Coloque as batatas e a cebola, cortadas em quartos, na taça. Junte os alhos, um pouco de azeite e água até cobrir bem. Tempere com sal.
Encaixe por cima o cesto de cozedura a vapor com a couve e o chouriço cortado às rodelas.
Seleccione o programa de sopa P1, a 100 ºC durante 45 minutos.
Quando terminar, junte a couve à mistura da taça, rectifique os temperos, envolva e acrescente água se preferir uma sopa menos consistente.
Deite numa tigela, junte umas rodelas de chouriço e um fio de azeite.

Bom apetite!!

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

"Na Mesa de Natal Não Pode Faltar..." DESFILE FINAL

"Na Mesa de Natal Não Pode Faltar..."

Pois é, o nosso desafio chegou ao fim! Foi sem dúvida uma partilha deliciosa e ficámos com uma mesa de Natal linda linda linda!

Para que não vos fique a faltar nenhuma delicia, hoje fazemos o desfile final de todas as partilhas!

Um muito obrigada à Ana Casinha por me ter incluído nesta sua ideia e um grande beijinho a todos os bloggers que comigo partilham esta maravilhosa mesa!

Para veres as receitas é só carregarem na foto!

FELIZ NATAL!!!!



                                        http://acasinhadasbolachas.blogspot.pt/2016/11/na-mesa-de-natal-nao-pode-faltar.html
                                                      A Casinha das Bolachas
As minhas perdições


As Receitas da Mãe Galinha

O Prazer da Cozinha
Cozinha Sem Segredos

Uma Pitada de Noz Moscada

O Diário da Inês

                                                                              
Cozinha pra 3
Creme de Avelãs

Receitas para a Felicidade

A Cozinha da Anita

Bolboretas no Baldullo


A Vida de Nessy

                                     
No Conforto da Minha Cozinha



Recanto com Tempero
Cromas da Cozinha




                                   


quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

TARTE DE FEIJÃO E AMÊNDOA (Versão tradicional e Cuisine Companion)

TARTE DE FEIJÃO E AMÊNDOA

Devo admitir que gosto muito de doces com feijão... E também devo admitir que gosto muito de doces com amêndoa... então porque não juntar os dois? Só vos digo que é uma verdadeira delícia...




Ingredientes: 
1 embalagem de massa quebrada
1 lata de 420g de feijão branco
200 gramas de açúcar
25 gramas de farinha
20 gramas de margarina
4 ovos
1 colher de chá de canela em pó
Amêndoa laminada

Preparação:
- Tradicional:
Coloque o feijão escorrido numa taça e triture com a varinha mágica. Acrescente o açúcar, e bata bem. Junte progressivamente a farinha, a margarina, os ovos e a canela e batendo sempre até obter uma mistura homogênea.
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Estenda a massa quebrada numa tarteira de fundo movível forrada com papel vegetal e coloque o recheio por cima.Cubra com a amêndoa e leve ao forno até as amêndoas ficarem douradas.

- Na cuisine companion:
Coloque o feijão escorrido na taça com a lamina para triturar e programe 1 min na vel. 5. Aumente para a vel. 8 e triture por mais 40s. Acrescente o açúcar, a farinha, a margarina, os ovos e a canela e programe 1 minuto na vel. 8. 
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Estenda a massa quebrada numa tarteira de fundo movível forrada com papel vegetal e coloque o recheio por cima.Cubra com a amêndoa e leve ao forno até as amêndoas ficarem douradas.

Bom apetite!!



No seguimento do desafio "Na Mesa de Natal Não Pode Faltar" hoje temos a sugestão da Ana do blog Recanto com Tempero, umas deliciosas Rabanadas!! Ora espreitem!




terça-feira, 20 de dezembro de 2016

"Na mesa de natal não pode faltar..."

"Na mesa de natal não pode faltar..."


Na continuação do desafio "Na mesa de natal não pode faltar..." a partilha de hoje vem da Sara do blog No Conforto da Minha Cozinha que nos brinda com uns deliciosos Coscorões da Avó! 

Ora espreitem!




segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

LEITE CREME

LEITE CREME

Quando comecei a aventurar-me na cozinha, tinha eu cerca de 9 anos, comecei a descobrir quais os sabores que me agradavam mais.

 Lembro-me de uma vez ter ido comer a casa de uns amigos dos meus pais e no fim me ter sido apresentado pela primeira vez o leite creme. Confesso que não foi preciso muito para o adoptar como uma das minhas sobremesas preferidas... adoro adoro adoro!!

Na altura. como era tão miúda, lembro-me de ter chateado a minha mãe até mais não, porque queria fazer leite creme em casa! Ora como a minha mãe na altura não se safava com grandes cozinhados, lá se lembrou de comprar aquelas caixas com os preparados em pó para poder fazer-me a vontade!

E assim foi, durante anos fizemos leite creme do pacote! E se eu gostava!! Mas agora com 33 anos, e com "a mania" de fazer as coisas de raiz, lá poderia servir leite creme de pacote?? Lá fui eu meter as mãos à obra e lá saiu este belo leite creme. 

Modéstia à parte ficou muito bom :)







Ingredientes:

1l de leite
2 colheres de sopa de maizena
200g de açúcar
3 gemas
2 paus de canela
Casca de 1 limão
1 pitada de sal



Preparação:
Numa panela coloque o açúcar e as gemas. Com a vara de arames bata bem. 
Dissolva a maizena no leite. Bata bem e junte às gemas. Junte os paus de canela, as cascas de limão e o sal. 
Leve a mistura ao lume mexendo sempre, com a vara de arames. Quando começar a engrossar, reduza a temperatura do lume. Quando atingir a espessura pretendida retire do lume e coloque o creme em taças. Leve ao frigorífico por 2 horas.
Pode colocar canela, comer simples ou queimar açúcar com um maçarico ou ferro. 












Bom apetite!!




Na continuação do desafio "Na mesa de Natal não pode faltar...", a partilha de hoje vem do blog "A vida de Nessy", pelas mãos da Vanessa, que nos brinda com os deliciosos Brunhois de abóbora! Ora espreitem!





sábado, 17 de dezembro de 2016

Visitas da Mãe Galinha - ATALHO REAL

ATALHO REAL

No Príncipe Real, mesmo colado ao Jardim Botânico, temos o restaurante Atalho Real. Com difícil estacionamento, como já é bem típico nesta zona, mas que vale todos os metros que tenham de andar para lá chegar.



Se tiverem a sorte de ir num dia de calor podem ficar no maravilhoso espaço exterior, caso contrário o interior também tem duas salas para vos receber. Neste dia fomos com mais familiares e por isso ficámos no espaço interior.
















O que comemos?
Todos adoraram as suas escolhas e de facto estava tudo maravilhoso! Vejamos então:


  • Picanha no pão





  • Picanha no prato





  • Lombo no prato






  • Entrecôte maturada no pão









Devo dizer-vos que este é sem dúvida um dos meus restaurantes preferidos, além de sair sempre satisfeita, adoro o ambiente e o atendimento. A repetir muitas vezes!


Onde fica?
Calçada do Patriarcal nº 40 - Freguesia: São José - Príncipe Real, 1250-182 Lisboa

Facebook:
https://www.facebook.com/atalhoreal/


Atalho Real Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato